Mudança no mercado: veja como engajar os jovens no teleatendimento

 

Os call centers costumam ser uma grande porta de entrada para o mercado de trabalho. Embora realizada há muitos anos, essa atividade pode encontrar dificuldade de manter o foco dos jovens hoje em dia, já que o uso da tecnologia é constante e chega a atrapalhar o desempenho. Porém, é fundamental renovar os colaboradores a cada geração e por isso, a Top Use resolveu separar dicas de como engajar os jovens no teleatendimento.

Aproveitar a facilidade que eles têm de se adaptar e estar atento aos novos modelos de trabalho são estratégias que farão com que empresários ainda busquem pelos serviços de call center, bem como seja possível preparar esses profissionais para ocupar outros espaços no mercado de trabalho futuro.

Oportunizar protagonismo

O trabalho multigeracional no call center precisa da mão de obra jovem para que os atendimentos continuem sendo realizados, assim, uma das possibilidades é abrir espaço para que novos conceitos possam ser sugeridos. Analisar a maneira como a tecnologia pode estar presente no dia a dia de trabalho é uma das alternativas, já que se trata de uma geração muito conectada e que passa a utilizar esses recursos em prol do trabalho. Além disso, engajar os jovens no teleatendimento por meio do empoderamento dá a eles o anseio do protagonismo. Quanto mais submissos eles precisam ser, mais distante da realidade deles fica a empresa. Portanto, proporcione espaços de diálogo e troca de ideias.

Explorar a facilidade de adaptação

Se você gestor, estava preocupado em implementar novas ferramentas de trabalho com receio de os colaboradores não se adaptarem adequadamente e isso chegasse a atrapalhar o andamento do serviço, seu problema está resolvido. Engajar os jovens no teleatendimento também é proporcionar a eles novas possibilidades de fazer a mesma coisa. Aproveitar que eles gostam de ser desafiados é uma oportunidade de lançar novas ideias e aperfeiçoar os serviços.

Ser proativo

Engajar os jovens no teleatendimento envolve proatividade dos gestores. É preciso compreender a melhor forma de oferecer capacitação a eles, além dos métodos a serem utilizados nessa comunicação. Não é interessante esperar que eles tomem uma atitude, é necessário proporcionar esse espaço, para que isso possa estimular novas ideias.

Gostou das dicas? Acompanhe o blog da Top Use e saiba como otimizar os serviços do seu call center!