Limpeza e manutenção dos headsets é essencial para o bom funcionamento

 

Nos call centers, os headsets são equipamentos obrigatórios e essenciais para realização de um bom trabalho, já que possibilitam a realização de diversas tarefas simultâneas e oferecem conforto aos operadores. Usados diariamente e por longos períodos, os headsets acabam sofrendo desgastes que afetam a sua eficiência, assim para que esses dispositivos cumpram bem a sua função e tenham vida útil longa é preciso ter alguns cuidados, que apesar de simples são importantes para que o headset permaneça em boas condições de uso. Confira algumas dicas!

Limpeza

Fazer a higienização é um dos principais cuidados que se deve ter com os headsets. Esses itens propagam germes e bactérias, principalmente quando são compartilhados e devem ter uma rotina de limpeza rigorosa para evitar contaminações e interferências, visto que resíduos de suor, óleos, maquiagem e cabelos, além de serem anti-higiênicos podem afetar o funcionamento do fone tapando as saídas de áudio.

Para realizar a limpeza, apenas um pano umedecido em água e sabão é o suficiente. Fique atento para o pano estar apenas úmido e não encharcado, o excesso de umidade pode danificar o headset. Usar outros produtos de limpeza também não é indicado, pois este podem ressecar os cabos e outras superfícies de plástico do equipamento. Por ser um aparelho sensível, também é importante que você o manuseie com delicadeza durante a limpeza, não pressione com força nenhuma das partes do headset.

Para manter os headsets funcionando por um longo período é recomendável adquirir o hábito de higienizar o equipamento logo após o uso.

Armazenamento

Enrolar os cabos dos headsets para armazená-los parece a melhor opção para evitar que os fios se enrolem e façam nós, mas ao realizar essa ação, os fios internos do equipamento podem ser danificados e até mesmo se romper, o que irá prejudicar o funcionamento do item. Além disso, é necessário ter atenção para não puxar o fio bruscamente, assim como derrubar ou bater o equipamento, uma vez que esses descuidos podem danificar as placas de circuito internas.

Proteção

Os headsets são equipamentos frágeis e por isso devem ser protegidos de temperaturas extremas, luz solar direta, umidade e poeira. O calor e a luz solar são capazes de danificar o equipamento e as temperaturas baixas afetam as baterias e podem causar chiados e complicações futuras nos fones. O excesso de umidade seja pela transpiração excessiva, contato com água ou as chuvas afetam alguns componentes elétricos dos headsets, o que também causará transtornos.

Não compartilhe

O headset é um equipamento de uso estritamente pessoal, já que ele está em contato direto com a pele e mucosas do operador. O indicado é que este item não seja compartilhado para evitar problemas de saúde e contaminações como otite. Caso o compartilhamento seja necessário, é indicado que seja trocado o tubo de voz e protetor auricular ou feita uma limpeza em cada troca de operador.